WEB RÁDIO JESUS A VIDA

quarta-feira, 17 de maio de 2017

HOSPITAL DO CÂNCER DE BARRETOS SERÁ IMPLANTADO NO TOCANTINS

A unidade contará com 15 mil metros de área construída e vai abrigar uma equipe de 756 funcionários e 195 médicos
Para o governador é um momento histórico, porque marca o primeiro passo para implantação de uma instituição, no centro do país, tida como maior referência em pesquisa, prevenção, diagnóstico e tratamento de câncer no Brasil
O governador Marcelo Miranda entregou na tarde desta segunda-feira, 15, ao presidente da Fundação Pio XII, Henrique Prata, a escritura do terreno para construção do Hospital do Câncer do Tocantins. Denominado “Hospital do Amor”, a unidade será implantada na quadra 1101 Sul de Palmas, em uma área de 76 mil metros quadrados, e a expectativa é que até 2020 esteja em funcionamento. A audiência foi realizada no Gabinete do Governador e contou dos idealizadores do projeto no Estado.
”Um momento histórico, porque marca o primeiro passo para a implantação de uma instituição no centro do país, tida como maior referência em pesquisa, prevenção, diagnóstico e tratamento de câncer no Brasil”, disse Marcelo Miranda. O governador disse ainda que a iniciativa é fruto de uma mobilização de vários setores. “Essa obra envolverá toda a sociedade organizada: prefeitura de Palmas, os parlamentares federais, estaduais, empresários e os municípios tocantinenses. É, certamente, uma obra de Deus, que nos deixa entusiasmados”, pontuou.

Atendimento
A unidade será implantada em uma área de 76 mil metros quadrados e a expectativa é que até 2020 esteja em funcionamento

Henrique Prata falou sobre a disposição para viabilizar a doação da área. “O terreno é excelente e agora a expectativa é buscarmos recursos para implantação. Não adianta montarmos uma ótima estrutura física, se não contarmos como profissionais altamente qualificados”, frisou ele, adiantando que o atendimento aos pacientes será 100% pelo Sistema Único de Saúde (SUS).
Referência
O empresário Rubens Carvalho, um dos idealizadores do processo de implantação da unidade de saúde em Palmas, destacou que o hospital é muito importante para toda a região, como Pará, Maranhão, Bahia, Piauí e outros porque vai encurtar a distância para as pessoas que procuram tratamento no Estado de São Paulo. “Nós vamos diminuir no mínimo dois mil quilômetros para os pacientes que precisam de tratamento em Barretos”, ressaltou ele, explicando que a partir de agora é necessário usar da criatividade para levantar os recursos necessários para implantação do hospital.
Hospital do Amor
O “Hospital do Amor”, segundo o presidente da entidade mantenedora, Henrique Prata, será construído em uma área de 76,240 mil metros quadrados, sendo que 54.240 metros quadrados doados pelo Governo do Estado e 22 mil metros quadrados pela Prefeitura de Palmas. A unidade contará com 15 mil metros de área construída e vai abrigar uma equipe de 756 funcionários e 195 médicos. Ainda segundo o presidente, a implantação de toda a estrutura física e de equipamentos está estimada em R$ 100 milhões. 
A audiência contou com a presença do ex-governador Moisés Avelino; do procurador geral do estado, Sérgio do Valle; do secretário chefe da Casa Civil, Télio Aires; da secretária da Comunicação, Kênia Borges; chefe de Gabinete do Governador, Rogério Silva; o subsecretário da Saúde, Marcos Sena e voluntários para a implantação do hospital em Palmas.

Postado do Blog JM Notícias:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Muito agradecido pela sua visita. Deus o abençoe.