WEB RÁDIO JESUS A VIDA

quinta-feira, 16 de fevereiro de 2017

CAMPANHA COMDEF - INCLUSÃO E ACESSIBILIDADE



Desrespeito -  faixas pedestres
Falta acessibilidade nos
Ônibus urbanos – Rio de Contas

ACESSIBILIDADE: condição para utilização, com segurança e autonomia, total ou assistida, dos espaços, mobiliários e equipamentos urbanos, das edificações, dos serviços de transporte e dos dispositivos, sistemas e meios de comunicação, por Pessoa com dEFICIÊNCIA ou mobilidade reduzida. O termo “acessível” implica tanto acessibilidade física como de comunicação.

Lembrando que Acessibilidade não se restringe somente  a rampas. As Pessoas com dEFICIÊNCIA tem o direito e é dever do Poder Público e da Sociedade garantir a Acessibilidade à: Saúde, Educação, Transporte, Habitação, Trabalho, Cultura, Esporte, Lazer, Assistência e Previdência Social, etc.

Desrespeito rampas para cadeirantes

Barreiras: qualquer entrave, obstáculo, atitude ou comportamento que limite ou impeça a participação social da pessoa, bem como  a fruição e o exercício de seus direitos à Acessibilidade, à liberdade de movimento e de expressão, à comunicação, ao acesso à informação, à compreensão, à circulação com segurança, entre outros, classificadas em:

Barreira Física ou Arquitetônica: Obstáculos para o uso do meio, que, num dado local, impede ou dificulta o acesso de pessoas com alguma incapacidade física.

Passeio Rua Santa Luzia

Barreira Comunicacional: Dificuldade gerada pela falta de informações a respeito do local, em função dos sistemas de comunicação disponíveis (ou não) em seu entorno, quer sejam visuais (inclusive em braille), auditivos e libras.

Barreira Atitudinal: Gerada pelas atitudes e comportamento dos indivíduos, impedindo o acesso de outras pessoas a algum local, ou a algum direito, quer isso aconteça de modo intencional ou não.

Calçada (pista tátil) do Posto Badica
Banco Itaú -  (e todos Bancos)
demora constante para abertura da porta com Acessibilidade
O PAPEL DA PESSOA COM dEFICIÊNCIA
PARTICIPAÇÃO E DEFESA DE DIREITOS. A Pessoa com dEFICIÊNCIA, pessoalmente, ou por meio de Associações, deve participar de sua inclusão Social. Sempre que sofrer abusos e sentir que seus direitos não estão sendo respeitados, ou estão sendo violados, deve levar o problema às autoridades competentes. Sempre que um direito for ameaçado ou violado o primeiro passo é documentar tal ato.

Qualquer Pessoa com dEFICIÊNCIA  que se sinta vítima de discriminação, violência, violação aos seus Direitos, denuncie ao COMDEF – Conselho  Municipal dos Direitos da Pessoa com dEFICIÊNCIA

Rua Mota Coelho, Centro - Jequié
(próximo a Academia Maria Adélia)
Total falta de acessibilidade para todos
Sanitários do Posto de Saúde Campo do América
recém-construídos e não adaptados
A sua atitude pode ajudar a mudar os índices de desrespeito e violação aos Direitos da Pessoa com dEFICIÊNCIA em nossa Cidade. Você pode agir. Participe de nossa Campanha: INCLUSÃO E ACESSIBILIDADE. CONSTRUA acessos, DERRUBE barreiras e da MULTA CIDADÃ, MULTA MORAL. 



Postado do blog Observatório Social Jequié:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Muito agradecido pela sua visita. Deus o abençoe.
Thank you very much for your visit. God bless you.
Большое спасибо за ваш визит. Да благословит вас Бог.
Vielen Dank für Ihren Besuch. Gott segne dich.