WEB RÁDIO JESUS A VIDA

domingo, 19 de fevereiro de 2012

A HETEROFOBIA GAY


A Heterofobia ou Fobia ao Sexo Oposto é uma doença grave, que atinge praticamente 100% da Comunidade LGBT. 

Não somente é doença, mas crime também.


A Heterofobia Gay

Quem, em uma roda de amigos, não ouviu a resposta de um homossexual sobre as mulheres ou homens: “Não gosto de mulher, elas são nojentas ou safadas” ou a frase “Homem é vagabundo!”, da boca de uma lesbica? O que é isto? Heterofobia, a fobia ao sexo oposto, comum na Comunidade LGBT.

Mesmo sendo um problema de enorme gravidade, pior que a tão falada Homofobia, a comunidade cientifica não trata do assunto, por medo da Patrulha Gay. Mesmo sabendo que esta doença incide sobre praticamente 100% da Comunidade Gay, assim mesmo psicologos e psiquiatras não falam nada a respeito, por medo da Patrulha Gayzista impedi-los de praticarem medicina.
Mas o Brasil tem que começar a tratar deste problema e já. Se a Comunidade LGBT conseguiu criar o programa federal “Brasil sem Homofobia”, o país não pode ficar sem um programa identico voltado especificamente à Comunidade LGBT. O país não pode permitir que pessoas enfermas psicológicamente, sentindo uma irracional aversão ao sexo oposto, andem pelas ruas do país. Não se pode permitir que Heterofóbicos, em público, manifestem abertamente a Heterofobia, sem que as autoridades façam alguma coisa. É preciso que se crie urgentemente centros psiquiátricos para internar e tratar da Heterofobia (Fobia do Sexo Oposto). Se os supostos homofóbicos merecem cadeia, segundo a Comunidade LGBT, a Heterofobia tem que ter um tratamento diferenciado, pois se trata não somente de crime de preconceito, mas de doença mesmo.
Portanto, todos os cidadãos deste país tem a obrigação de discutir e buscar soluçôes para este problema. A Comunidade dos Heterofóbicos cresce assustadoramente, sendo necessário medidas educativas nas escolas, na familia, na faculdade, para impedir que a Heterofobia se alastre.

Por Eliel Santos 

Manifesto do Portal Militar Brasileiro por um Brasil sem Heterofobia
URL:: http://100militar.blogspot.com
Postado no Site do Correio do Brasil:

Imagem do Site Anormalhttp://anormal-anm.com/?p=6112

7 comentários:

  1. kkkkkkkkkkkkkkkk....eita País plural esse nosso hein! Corrigindo seu texto medonho, Gay não odeia o sexo oposto, muito pelo contrario rapaz....o homoafetivo masculino sente tesão, prazer, desejo por pessoas do sexo masculino e o mesmo acontece no sexo feminino...não há homoafetivos contra os heteroafetivos, eles só não aceitam mais serem agredidos, xingados, pisados pelo heteroafetivos! E como você é apaixonado por Jesus, siga os mandamentos dele e ame ao próximo como Deus o amou...independente de sexo, religião, futebol, partido ou qualquer uma das diferenças que nos faz seres humanos! Só por isso que comentei seu post, esse seu Blog não tem nada de Jesus nele, reflita sobre isso!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O respeito é uma via de mão dupla. Amo o sexo oposto, sou hetero e respeito quem é homo afetivo. O complicado é forçar quem pensa diferente a aceitar o que difere de seus valores e pontos de vista. Conceito é diferente de preconceito.

      Excluir
  2. Santa senhora da estupidez... Nunca li tanta bobagem em minha vida. Os gays já são tão discriminados, aí vêm um idiota desses, e escreve um monte de baboseiras... Vc que tá precisando de um tratamento meu camarada. Isso tudo é por falta de assunto pra escrever em seu blog? Posta algo mais produtivo. Aproveita e entra na campanha contra o sexo anal.

    ResponderExcluir
  3. Eu sou gay, sinto atração pelo mesmo sexo sim, mas nem por isso odeio o sexo oposto, isso não tem validade. Eu fico pensando, será esse site uma piada que eu não entendi ou só uma pessoa sem um pingo de informação falando bobagem?

    ResponderExcluir
  4. ô burro ,amar ao proximo, não é amor de SEXO , é amor em ajudar, perdoar. Existe o amor de irmão para irmão , de Pai e Mãe para filhos, de amizade sem distinção de sexo,o amor que DEUS fala na palavra ÑÃO é o amor do SEXOOOOOOOOOOOOOOO.

    ResponderExcluir
  5. Pessoal, vamos romper juntos a barreira da ignorância.Primeiramente o blog e pessoal dele e nele ele escreve o que quizer(Art 5º da CF/88 desde que nao mantenha o anonimato)segundo o fato dele expor este problema não maximiza o preconceito sofrido pelos gays(como supra demonstrado),muito pelo contrario chama a atenção para um problema presente nessa crescente massa social.

    ResponderExcluir
  6. Retificação: "quiser"

    ResponderExcluir

Muito agradecido pela sua visita. Deus o abençoe.
Thank you very much for your visit. God bless you.
Большое спасибо за ваш визит. Да благословит вас Бог.
Vielen Dank für Ihren Besuch. Gott segne dich.