WEB RÁDIO JESUS A VIDA

sábado, 11 de fevereiro de 2012

BOICOTE À RED BULL POR RIDICULARIZAR JESUS


Comercial da Red bull ridiculariza Jesus


A apostasia na atualidade está crescendo de forma terrível e, para piorar, a mídia tem em muito cooperado com isso.

A televisão brasileira traz neste mês de fevereiro uma nova propaganda do red bull ridicularizando a pessoa de Jesus Cristo.

A propaganda tenta, de certa forma, manipular os consumidores do produto através da mídia, o que sempre foi seu principal objetivo.

Se isso não bastasse, o comercial chega a fazer alusão ao fato de que Jesus não fez milagre algum na passagem em questão, usando apenas de perspicácia ao pisar em "supostas" pedras.

Para o pastor Rogério Silva, líder da Convenção Nacional das Assembléia de Deus, Ministério New Life com sede em Campinas, "Negar os milagres de Jesus ridicularizando-o é uma afronta a comunidade cristã e um desafio ao próprio Deus."

Evangélicos em todo o Brasil estão horrorizados com o comercial e já falam em boicote ao produto.

Grifo Nosso: Conclamamos o CONAR (http://www.conar.org.br/), Associações Cristãs, Autoridades Civís e Eclesiásticas para que Acionem Judicialmente a Empresa Responsável pela Divulgação e a Dona do Comercial. 
POIS, ESTÃO FERINDO PRINCÍPIOS RELIGIOSOS RESGUARDADOS PELA CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL DE 1988.

Veja abaixo o vídeo do comercial.


RED BULL, MITO OU VERDADE?
ESTA BEBIDA ESTÁ À VENDA EM TODOS OS SUPERMERCADOS, AO ALCANCE DE TODOS OS
JOVENS, E ISSO PODE SER MORTAL!

A RED BULL foi criada para estimular o cérebro de pessoas submetidas a um grande esforço físico e em "coma de stress". NUNCA PARA SER CONSUMIDA COMO UMA BEBIDA INOCENTE OU REFRESCANTE!


A RED BULL é uma BEBIDA ENERGIZANTE, comercializada a nível mundial com o slogan: "Aumenta a resistência física, agiliza a capacidade de concentração e a velocidade de reação, dá mais energia e melhora o estado de ânimo".

Tudo isso pode ser encontrado numa latinha de RED BULL, "a bebida energética do milênio!"

A RED BULL conseguiu chegar a quase 130 países de todo o mundo com um faturamento anual acima de 21 bilhões de euros na venda de 3 bilhões de latas. Os jovens e o desporto foram os símbolos eleitos pela marca para caracterizar a sua imagem, dois segmentos atrativos que foram cativados pelo estímulo causado pela bebida.

Foi criada por Dietrich Mateschitz, um empresário de origem austríaca, que a descobriu por acaso, durante uma viagem de negócios a Hong Kong, quando trabalhava para uma empresa fabricante de escovas de dentes.

Uma lata de 250 ml contém: 20 gramas de açúcar, 1000 mg de taurina, 600 mg de glucuronolactona, 80 mg de cafeína e vitaminas do complexo B.

MAS A VERDADE DESTA BEBIDA É OUTRA!

A FRANÇA e a DINAMARCA acabam de PROIBI-LA, por ser um COQUETEL DA MORTE, devido aos seus componentes de vitaminas misturadas com "GLUCURONOLACTONE".

Substância química altamente perigosa, que foi desenvolvida pelo Departamento de Defesa dos USA durante os anos 60 para estimular o moral das tropas americanas no Vietnam. Seus efeitos eram como se fossem o de uma DROGA ALUCINÓGENA, que acalmava o stress da guerra.

Entretanto, SEUS EFEITOS NO ORGANISMO DOS SOLDADOS FORAM DEVASTADORES: alto índice de casos de ENXAQUECAS, TUMORES CEREBRAIS E DOENÇAS DO FÍGADO.

Apesar de tudo, na lata de RED BULL ainda se lê entre os seus componentes:

GLUCURONOLACTONE, catalogado medicamente como um estimulante. Mas o que a lata de RED BULL não diz são as CONSEQÜÊNCIAS DO SEU CONSUMO, que obriga a se colocar uma série de ADVERTÊNCIAS:

É PERIGOSO tomá-lo se, em seguida, não se fizer exercício físico, já que a sua função energizante acelera o ritmo cardíaco e pode provocar um ENFARTE FULMINANTE.

Há risco de se sofrer uma HEMORRAGIA CEREBRAL, porque o RED BULL contém componentes que diluem o sangue para que seja mais fácil ao coração bombear o sangue e, assim, se poder fazer esforço físico com menos esgotamento.

NÃO SE DEVE JAMAIS MISTURAR RED BULL COM ÁLCOOL, porque a mistura transforma a bebida numa "BOMBA MORTAL" que ataca diretamente o FÍGADO, levando a zona afetada à INCAPACIDADE DE SE REGENERAR!

Um dos componentes principais do RED BULL é a vitamina B12, utilizada em medicina para recuperar pacientes que se encontram em coma etílico, daí o estado de excitação em que se fica após tomá-lo. É como se estivéssemos em estado de embriaguez.

O consumo regular de RED BULL provoca uma série de DOENÇAS NERVOSAS E NEURONAIS IRREVERSÍVEIS.

CONCLUSÃO:

A RED BULL DEVERIA SER PROIBIDA EM TODO O MUNDO, como já está sendo em alguns países, pois se desavisada ou intencionalmente misturada ao álcool,  torna-se uma BOMBA-RELÓGIO PARA O CORPO HUMANO, principalmente entre adolescentes e adultos que desconheçam os efeitos letais da bebida.

Redação: Espaço Gospel/RIUS

9 comentários:

  1. Bebi umas duas vezes mas não senti nada. O sabor também não agradou muito. Não vi nem senti nada de anormal com este produto. Propaganda enganosa.

    ResponderExcluir
  2. Apesar do Brasil se um país laico, esse tipo de propaganda fere a maioria da população brasileira que se diz cristã, eu sou contra a censura, mas peço cesura já a esse tipo de propaganda anticristã.

    ResponderExcluir
  3. Realmente essa propaganda vai contra a palavra de Deus, é uma afronta contra a fé cristã, é ridícula. Como uma empresa pretende vender um produto ridicularizando o todo PODEROSO JESUS filho de DEUS PAI? Infelizmente muita pessoas acabam achando esse tipo de propaganda genial, descolada, mas na realidade é ridícula....

    ResponderExcluir
  4. DEUS, tenha misericórdia !! MARANATA!!!

    ResponderExcluir
  5. Propaganda anticristã ? Serio que to lendo isso ? Isso é humor. Parem com esse sensacionalismo idiota. Vão protestar por coisas que afrontam a gente de verdade. Vão protestar pela corrupção. Francamente...

    ResponderExcluir
  6. O Red Bull ganhou um fã com a propaganda, pois demonstrou coragem e originalidade. Em uma sociedade altamente cristã e preconceituosa contra qualquer tipo de crença diferente, inclusive contra o ateísmo, penso que uma propaganda assim mereça algum crédito (pensemos na liberdade de expressão tão evocada pela própria Igreja ao desqualificar aqueles que, em tese, se opõem à sua doutrina) e angarie a simpatia daqueles que não são cristãos ou que sejam ateus/agnósticos, pessoas que, afinal, nunca possuem um espaço para defender seu próprio ponto de vista...aliás, segundo pesquisas recentes, os ateus sofrem mais preconceito e discriminação que ex-presidiários, usuários de drogas, prostitutas, homossexuais e negros. Tal propaganda foi uma manifestação de respeito (e não desrespeito) à diversidade de crenças, mostrando que existem outras formas de ver a coisa toda, diferentemente do que quer nos fazer acreditar a Igreja cristã...vejamos por este ângulo...

    ResponderExcluir
  7. Que fanatismo ridículo!
    Se Deus não ajudasse a RED BULL hoje ela não seria uma das empresas mais ricas do MUNDO chegando a comprar a williams (F1) e transformar na Red Bull!
    - ''ah, mas dinheiro não é nada na vida!''
    = então me dê o seu (ou pra qualquer um) ou rasgue e fique sem computador pra fazer e responder blogs e sem tv pra ver comerciais de preferencia!

    ResponderExcluir
  8. Estas pessoas que acham que pedir respeito à imagem de Jesus é fanatismo ou sensacionalismo, são dignas de dó! Que Deus tenha misericórdia de suas almas!

    ResponderExcluir
  9. Penso que toda pessoa tem livre arbítrio para crer ou não em alguma coisa, gostar ou não de outras. Agora pergunto: como uma sociedade que prega o respeito à diversidade e à liberdade de expressão, pode faltar com o respeito com os cristãos ou evangélicos, se assim preferirem, chamando-os de fanáticos e ridículos??? Não seria "esta" sim, uma atitude ridícula???

    ResponderExcluir

Muito agradecido pela sua visita. Deus o abençoe.
Thank you very much for your visit. God bless you.
Большое спасибо за ваш визит. Да благословит вас Бог.
Vielen Dank für Ihren Besuch. Gott segne dich.