Carteiras pichadas fazendo apologia as drogas

Preservativo

Telefone público danificado por vândalos
Vândalos estão destruindo o Centro Educacional Senador João Calmon, no bairro de Mandacaru, segundo a diretora da Escola, Professora Maria Lídia de Jesus Pereira, os meliantes pulam o muro, que é muito baixo, e durante a noite praticam atos de vandalismo no interior da Escola e quase todos os dias são encontrados cigarros de maconha, cachimbos de crack, preservativos, já foram encontradas também calcinhas, cuecas, carteiras danificadas e parte do patrimônio foi destruído.



Um funcionário escavando o local onde será o laboratório de informática

Outro dia a direção da Escola encontrou uma situação inusitada, além dos bandidos quebrarem o bebedouro, colocaram fezes humanas dentro da tubulação do bebedouro. Carteiras foram pichadas com frases de apologia a drogas e a violência. A direção informou também que diariamente é feita a Ronda Escolar, realizada pela PM, passando na escola durante o dia, mas, a Diretora ressalta que a ação dos bandidos é só durante a noite e a escola não tem vigilante.


10 computadores doados pelo MEC a 4 anos nunca foram instalados
A reportagem do BJM encontrou várias computadores novos e amontoados na diretoria da Escola, segundo informações, os equipamentos estão embalados nas caixas a mais de 4 anos, foram fornecidos pelo MEC - Ministério da Educação e Cultura para informatização e acesso a internet, os equipamentos não foram instalados por conta da falta de uma sala para abrigar o laboratório de informática. Durante a reportagem presenciamos um único funcionário escavando o local onde será instalado o inforcentro. Os computadores são modelos defasados e foram adquiridos com dinheiro público, as crianças que estudam no João Calmon tem faixa etária entre 4 e 8 anos, que cursam da alfabetização ao ano 3 do ensino fundamental.
A diretora Maria Lídia nos mostrou um classificador com vários ofícios enviados para a Secretária de Educação de Jequié, apontando os problemas vividos na Escola e nenhuma das reivindicações foi atendida pela Secretária de Educação. A PMJ alega que faltam condições para garantir a segurança e promover as reformas necessárias.
Postado no Blog de Júnior Mascote:
Outras fotos de Valter Sandoval
Blog: Sandoval "O Protestante"
Ai se Anísio estivesse vivo. Iria morrer com esta faixa.

"Se liga no back" no ombro do ursinho

Armários violados na tora

As frases tem sentido...

Bagunça geral

Falta pouco. "Quem planta também colhe..."